ANTÓNIO JOAQUIM BIVAR SEGURADO

Designer

Sobre | Design | Pintura | Contos | Contact

About | Design | Paintings | Contact

About the Person and Designer

Under translation

Graduated in 1972 from Ravensbourne College of Art and Design, United Kingdom, in Three Dimensional Design, having received a scholarship from the Calouste Gulbenkian Foundation.

O seu conhecimento adquirido no curso optimizou, no que refere ao design do produto industrial ou de equipamento, a interacção projectual com o design de interiores. Deu-lhe uma maior flexibilidade profissional de adaptação ás diversas condições de mercado, mais uma base técnica extensa para lidar com uma natureza ampla de projectos de design.

Developed professional activity after qualification in London (UK) and Paris (France), primarily in the field of hotels, to later dedicate himself to a wider array of projects, other than hotels, to restaurants, bars, shops, offices, discotheques, houses, apartments and expositions, upon his return to Portugal in 1982.

Durante 14 anos, desde 1993 a 2007 dedicou-se também ao ensino de design, como professor convidado, tendo participado no curso de design na ULHT – Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.

Nos últimos anos tem-se aplicado à ilustração, desenho e pintura, e considera que todo o seu trabalho artístico é um complemento á sua actividade de designer. Expôs as suas obras em várias galerias e espaços lúdicos em Portugal e no estrangeiro, e encontra-se representado em várias colecções particulares a nível nacional e internacional.

Alguns conceitos respeitados na realização dos designs

Os seguintes pontos são considerados primordiais como procedimento e critérios seguidos, na elaboração, e na execução do projecto de design de interiores dos hotéis, e que se podem resumir em:

- “O resultado final é que conta” (a verdade…tantas vezes repetida…pelos intervenientes), é de um certo modo simplista, o objectivo a cumprir.
- O trabalho executado ou seja a obra final espelha sempre, toda a actuação do projectista.
- O projectista é avaliado pelo desempenho a nível funcional, pelo aspecto estético e mais tarde também em associação, pela qualidade do serviço do estabelecimento em que interveio. A lembrar que a obra é boa ou má, se as mais pequenas exigências básicas do serviço ao cliente são cumpridas.
- Defender os interesses do cliente (dono da obra), na elaboração de projectos, em satisfazer datas e objectivos desde o início à finalização do projecto, e depois na sua continuidade após abertura ao público.
- A assistência às obras no seguimento da elaboração do projecto tem uma importância primordial para um bom resultado final.

Antecedendo a fase de concepção

- Dialogar com todos os intervenientes quer antes ou durante a concepção global, quer posteriormente no acompanhamento da sua implementação.
- Leitura do estudo económico para a boa compreensão da natureza e viabilidade da obra em si, como qualquer outra informação relativa à ideia base do empreendimento. A concepção global a ser pensada, tanto para os quartos como para as zonas públicas, deve interagir desde o início do projecto com a parte económica do projecto, e significando:
Assimilar aspectos de gestão e objectivos de resposta ao mercado após a sua identificação, ou seja, em mediar entre a proposta de desenvolvimento económico e a materialização do projecto, sob um orçamento estimado.
A imagem geral dos interiores irá contribuir no sucesso do empreendimento para um aumento do retorno do custo financeiro investido.
- Identificação do mercado pretendido, objectivos requisitos a satisfazer, idades principais dos usuários a que se destina, perfis, modos de actuação, costumes locais, etc.
- Compreender a natureza dos objectivos de desempenho para o exterior, além dos do interior do hotel. O que significa além da projecção e qualidade da imagem comercial de marca do hotel, assimilar conceitos reais do desempenho pretendido, quer para o exterior, como dos seus interiores.

Fase de concepção

- Dialogar com todos os intervenientes.
- Localizar o interior do empreendimento em termos de identidade regional ou nacional, (o cliente quando acorda no quarto de hotel deve identificar ao primeiro relance, o local onde se encontra nos motivos decorativos ou pela natureza do ‘décor’). Alarga-se assim, o leque do mercado sem significar aumento de custos.
- Promover as memórias fotográficas, associadas à recordação de bons momentos passados no hotel. Estas perduram no tempo, e impelem o cliente a uma familiaridade, mais ao seu regresso futuro.
- Projectar para as pequenas e grandes exigências do cliente. Ter os objectivos e funcionalidades a satisfazer, sempre presentes.
- Pensar nos interiores, no que respeita ao design, especificações, equipamentos e materiais, tanto no seu desempenho ou funcionalidade, como na gestão, manutenção e na sua durabilidade.

Em conclusão, estes são apenas alguns pontos resumidos, reflectidos na atitude como designer, perante o projecto a ser criado, e que me levam a considerar-me como o actor de uma ideia e um realizador de objectivos.


CURRICULUM VITAE

Estrada da Circunvalação, 13-1B. Buraca 2610-041 Amadora. Tel. 934664110

1949 nasce em Lisboa
Nacionalidade portuguesa

1967-1982 reside no Reino Unido

1982 muda-se para Portugal

Fluente nas línguas de: português, francês e inglês.


QUALIFICAÇÕES ACADÉMICAS

1967-71 diplomado em THREE DIMENSIONAL DESIGN (furniture, product, and interior design, with ceramics as a complementary study).
Licenciatura pelo: RAVENSBOURNE COLLEGE OF ART AND DESIGN (UK).

Bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian
1999 Equivalência licenciatura em ARQUITECTURA DE DESIGN UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA//FACULDADE DE ARQUITECTURA

2001-02 Pós-graduação
Curso de Pós-graduação em Desenvolvimento Urbano Sustentável - SUD Sustainable Urban Development
Pela Universidade de Salford (UK), Universidade de Florença, Itália e Universidade Lusófona, Portugal.


ACTIVIDADES LECTIVAS

Docente convidado para leccionar pelas seguintes instituições de ensino:

1993-94 Aulas de pós formação de design de interiores
AULA DO RISCO - LISBOA

1994-2007 Aulas de design nestes anos lectivos na UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS (COFAC - COOPERATIVA DE FORMAÇÃO E ANIMAÇÃO CULTURAL CRL – LISBOA)

Nas seguintes disciplinas:

Introdução ao Design
Design de Interiores
Design
História do Design
História do Equipamento Ambiental
Teoria e Crítica do Design


ACTIVIDADE ARTÍSTICA

1966 Aulas de desenho com o designer Daciano Costa e os escultores António dos Santos e Fernando Conduto.

1966-67 Curso de gravura na SOCIEDADE DE GRAVADORES PORTUGUESES, com os mestres pintores João Hogan e Alice Jorge.

1975 Exposição individual de trabalhos de pintura a óleo na Livraria Castil no C.C. Castil - LISBOA.

2003 Exposição individual de desenhos (sob o pseudónimo de António Silva Semedo) na livraria/bar ETERNO RETORNO – Lisboa

2007 Exposição individual de desenhos coloridos no Restaurante AZIMUT – Estoril

2007 Exposição de desenhos coloridos na exposição inaugural e abertura em Outubro, no Museu do Mar de Vila Real de Santo António - Algarve

2007 Participação na exposição coletiva de homenagem ao pintor Cruzeiros Seixas pela Câmara Municipal da Amadora

2007 Ilustração do livro de poemas de Kay Magalhães Pina, Anjos da Minha Raça, Edições Zéfiro.

2016 Participação na exposição coletiva da Academia da Marinha.


ACTIVIDADE PROFISSIONAL DE DESIGN nas áreas de equipamento e interiores, em Londres:

1972 design de mobiliário
colaboração
KENNETH GRANGE RDI, FSIAD. UK.
Mobiliário de cozinha

1972 design de interiores
GEORGE & CHASE. UK.
Escritórios

1972 - 74
MOURA-GEORGE DESIGNERS LTD. UK.
Design de interiores e gestão de projectos e obras de mobiliário, produtos industriais, bancos, escritórios, agências de viagem

1975 – 76 design de interiores
Em actividade de freelancer: apartamentos e mobiliário de hotel

1981 - 82 design de interiores
colaboração
BLANCHARDS (HOLDINGS LTD). UK.
Apartamentos, salas para palácio na Arábia Saudita


ACTIVIDADE PROFISSIONAL DE DESIGN nas mesmas áreas referente à HOTELARIA, em Londres e Paris:

1977 - 80 design de interiores
DALE KELLER & ASSOCIATES. UK.

Colaboração nos projectos de:
HYATT REDEC PLAZA HOTEL. Arábia Saudita.
BAHRAIN SHERATON HOTEL
KARACHI INTERCONTINENTAL. Paquistão.
HYATT CROWN HOTEL. Teerão
DAMMAN OBEROI HOTEL
NICE HYATT HOTEL. França
MARRIOT HOTEL JEDDAH. Arábia Saudita.
KYBER PESWAR INTERCONTINENTAL Paquistão.
ATHENS INTERCONTINENTAL. Grécia.
MULTI STOREY UNITS DOMAIN INTERCONTINENTAL.

1980 design de interiores
HOTEL RITZ PARIS, França.
(cliente: Mr. M. Al Fayed)
Colaboração, e assistência na coordenação de obra, na remodelação de 20 suites do lado da Place
Vendôme

1981-82 design de interiores
Colaboração
RICHMOND DESIGN GROUP. UK.
Remodelação das zonas de circulação para o GRAND HOTEL-PARIS

1982 design de interiores
colaboração
GRANVILLE-DIXON UK.
Projecto de Salão Real Para Festas. Arábia Saudita


ACTIVIDADE PROFISSIONAL DE DESIGN de interiores (projectos principais de atelier), em Portugal:

Nota: As datas indicadas da realização dos projectos referem-se, á coordenação e assistência às obras, e ao design de empreendimentos de hotéis, apartamentos, moradias e lojas, que podem ter sofrido alterações posteriores ou remodelações por terceiros sem a minha/nossa interferência ou responsabilidade, quer parciais ou na totalidade. Nalguns casos os estabelecimentos inclusivamente podem tercessado a sua actividade recentemente.

1982 Colaboração
com o atelier ATEP
HOTEL PENTA LISBOA
health club, cabeleireiro

1983-84 Colaboração
com o atelier ATEP
CAFÉ CREME, LISBOA
restaurante/piano bar
Vista do Café Creme Restaurante Piano Bar 1984 (desaparecido)

1984 design de alcatifas HOTEL PENTA LISBOA
corredores - 15 andares

1985-87 POMPEU DOS FRANGOS, RESTAURANTE/BAR
Bar, sala de restaurante, + nova entrada
Malaposta

1986-90 design de iluminação
design de mobiliário
HOTEL TIVOLI LISBOA
Clarabóias/átrio, cabeleireiro, barbearia, instalações sanitárias (cave), corredor (cave), salas de reunião (sobreloja), escritórios /relações públicas, portaria, zona dos telefones, zona de chá e jogos, ourivesaria, escritórios
Zonas públicas
Suite tipo

1988-89 design de interiores
VELA LATINA, EMPREENDIMENTO TURÍSTICO, Doca do Bom Sucesso, Belém, Lisboa
Recepção, iate clube, restaurante, bar, snack-bar, centro comercial, instalações sanitárias

1990 design de interiores
VOSSAMERCÊ RESTAURANTE, Lisboa
Remodelação

1991-92 design de interiores
AL FOZ, EMPREENDIMENTO TURÍSTICO, Alcochete
Recepção, bar, restaurante, privado, instalações sanitárias e discoteca

1992 design de mobiliário
RITZ HOTEL-AN INTER-CONTINENTAL LISBOA
Remodelações nos balcões/recepção, cashier e telefones

1995 design de interiores
coordenacao-restauro
VIDAGO PALACE HOTEL, Parque do Vidago, Trás-os-Montes
Zonas públicas e suites

1996-98 design de interiores
HOTEL AVELAMES, Parque de Pedras Salgadas, Trás-os-Montes Zonas públicas, quartos e suites

1998 design de interiores
coordenacao-restauro
CASINO AVELAMES, Parque de Pedras Salgadas, Trás-os-Montes
Restauro – reconversão em auditório

1998 design de interiores
VIDAGO GOLF CLUB HOUSE, Parque do Vidago, Trás-os-Montes.

1999-2006 design de interiores e coordenação
HOTEL DA BARRA, Aveiro
Suites + quartos 3º e 4ºAndar, Corredores, Recepção, Lobby, hall, Bar, e Discoteca.

2003 consultadorias
RESTAURANTE LUSO-PERUANO, Paiões, Cacém

2003 design de interiores
AL-FOZ Millenium Estádio do Sporting – C.C. Alvaláxia, Lisboa


LOJAS COMERCIAIS - design de interiores - projectos realizados:

1983-90 SAPATARIA HERA
1. C. C. CASTIL - Hera Infantil
2. AMOREIRAS SHOPPING (1985-94)
3. FARO - ALGARVE
4. AV. ROMA - remodelações
5. HERA INFANTIL no ARMAZÉNS PRINTEMPS - CASCAIS SHOPPING

1983 Livraria de "O JORNAL"
C. C. PINGO DOCE ALCÃNTARA

1984 MALA DE PORÃO (1984-90) C. C. FONTE NOVA
Boutique

1985 FARMÁCIA DA IGREJA, AMADORA
Remodelações

1985-90 A PARQUEADORA
Lojas de materiais de revestimento
1. SHOWROOM - Sede, Lisboa
2. C. C. DA MOURA
3. C. C. DAS PALMEIRAS
4. C. C. DE MASSAMÀ

1986 VESAUTO, CACÉM
Stand de automóveis (1986-90)
Concessionário da Renault

1990 LANALGO, Lisboa
Remodelações de entradas, zona de perfumaria e boutiques

1990 AZEL, Lisboa
Loja de videos

1990 SPORTSTYLE, CASCAIS SHOPPING
Projecto e manual de interiores em coordenação com Moura-George Designs Lda.

1999 CASHJÓIA, OLIVAIS SHOPPING CENTER
Ourivesaria

1985-2002 INSTANTA Lojas de aparelhagem de video, audio e fotografia
1. AV. FONTES PEREIRA DE MELO
2. AMOREIRAS SHOPPING - remodelações
3. C. C. CASTIL - remodelações
4. R. NOVA DO ALMADA
5. C. C. COLOMBO
6. OEIRAS SHOPPING
7. CASCAIS
8. CAMPO DE OURIQUE
9. CHIADO
10. CASCAISVILLA SHOPPING
11. ODIVELAS SHOPPING


DESIGN DE EXPOSIÇÕES

1983 JORIS IVENS, realizador
CINEMATECA PORTUGUESA, Lisboa

1987 A PARQUEADORA, Lisboa
stand na FIL


ESCRITÓRIOS design de interiores

1983 VICTOR GUEDES SARL, Lisboa
Escritórios

1987 HOTEL TIVOLI LISBOA
Escritórios de relações públicas e salas abertas para reuniões

1988 NIRAM - REPRESENTAÇÕES E TRANSITOS LDA, Lisboa
Escritórios

1989 SELT - IMPORTAÇÕES E EXPORTAÇÕES LDA, Lisboa
Escritórios

1989 SILVEX - TRANSFORMADORA DE PAPÉIS E PLÁSTICOS LDA
Lisboa
Escritórios

1992 HOTEL TIVOLI LISBOA
Escritórios da contabilidade

1992 VELA LATINA - EMPREENDIMENTO TURÍSTICO, Doca do Bom Sucesso, Belém, Lisboa
Escritórios de administradores

1992 Sr. M. CARDOSO - CASCAIS
Escritórios


MORADIAS E APARTAMENTOS

1985-2016 design de interiores

Projectos de design de interiores, coordenação e assistências às obras de implementação dos projectos:

Moradia na VÁRZEA DE SINTRA
Apartamentos em CASCAIS
Apartamento no RESTÊLO
Moradia no DAFUNDO
Apartamento em SETÚBAL
Apartamento na LAPA
Apartamentos em BENFICA
Moradia no BISCAINHO – Coruche
Moradia em S.JOÃO DO ESTORIL
Moradia no ESTORIL
Apartamentos no BAIRRO ALTO – Lisboa
Consultadoria de design de interiores para apartamento na Cidade do PANAMÁ
Apartamento nas Àguas Livres - AMOREIRAS - Lisboa
Apartamento na ENCOSTA DO CASTELO – Lisboa
Apartamento Duplex, CASCAIS